01 dezembro 2016

Benjamin – como escolhi o nome

#QuintadaMaternidade

  O nome do meu pequeno é BENJAMIN, já era bem antes dele ser concebido na verdade. Sou daquelas pessoas que sempre planeja tudo antes, inclusive nome dos filhos rs, e como o tempo andou desde a primeira ideia de nome até aqui algumas coisas mudaram, ainda bem:


A primeira vez que eu ouvi e gostei
Não lembro exatamente em que ano assisti Lost, mas foi a primeira vez que eu ouvi o nome Benjamin e achei bonito, principalmente porque usavam bastante “Ben”. Lembro que comentei algo sobre com meu marido, que gostava deste nome e achei lindo o significado e ele achou fogo de palha =P


Foto do Ben de Lost, só gostava do nome mesmo, nada a favor do personagem.


Era para ser Noah
De qualquer forma o nome Benjamin sempre esteve na fila para ser o nome do segundo filho menino caso eu tivesse, porque o primeiro seria Noah. Mas uma amiga colocou este nome em no filho dela e não sei, se usavam o nome que eu queria eu já desanimava um pouco, e no chá de bebê dela me perguntaram se manteria o Noah e eu disse que provavelmente ia ser Benjamin, isso a uns 2 anos atrás.
De qualquer forma o Noah tá na fila sim, para um segundo quem sabe ;D



Confirmação de Deus
Mas sai deste chá de bebê falando para Deus que queria que Ele confirmasse se era este nome que Ele queria, fui para o culto e a mensagem pregada no dia foi “Geração de Benjamin”: ok Deus, obrigada por confirmar!





Contexto bíblico e significado
Benjamin na Bíblia é o irmão mais novo de José, seu pai escolheu este nome porque significa “Filho da minha mão direita”, ou traduzindo para nós: FILHO DA FELICIDADE.

Beijos

29 novembro 2016

Na Aljava de Deus


    Já contei aqui que passei uns tempos complexos que me afastaram do blog e muito tem haver com este processo de estar na “Aljava de Deus”. Já tinha ouvido falar sobre isso a um tempo atrás e ficou no meu coração, mas não era algo que eu estava vivendo e acabou ficando engavetado.
    Lembro muito bem desta primeira vez que ouvi: fala de um tempo em que vamos crescendo em Deus, experimentando várias coisas, sendo usado de várias formas, pronto para arrebentar e o que Deus faz? Te guarda!
    E sinceramente, não é legal ser uma “flecha guardada”. Me senti inútil, olhava para as “flechas” sendo utilizadas e não entendia, procurei várias vezes o problema em mim mesma e nada me tirava de lá.
   Agora entendo que foi/está sendo um tempo de alinhamento, um tempo de crescimento, de fidelidade. Um tempo de ficar quietinha e ter Deus como Pai.

    Minha dica é: se agarre nas promessas de Deus para sua vida, relembre dos lugares em que Ele te tirou e continue firme no seu relacionamento com Ele. Ele é fiel, nada mudou. Ele está te preparando para tudo mais que Ele já tem para você.

   Em agosto ouvi de novo sobre este tema e foi como uma acender em mim. Se sentir que está em um tempo assim, também te recomendo:


Se tiver sem paciência de ouvir tudo desde o começo, assista a partir das 1h12min

24 novembro 2016

Quarto mês de gravidez #QuintadaMaternidade

Todos comemorando porque tenho disposição novamente o/ 

Até o momento foi o melhor mês, e dizem mesmo que depois do primeiro trimestre as coisas melhoram, aqui aconteceu.

Já consigo comer mais coisas e estou tomando alguns cuidados como comer no máximo de 3h em 3h, o dia que não fiz isso vomitei, depois de meses sem fazer isso. Tá, aprendi! E ainda não consegui parar de tomar o remédio para enjoo diário, fico mal.
Segundo a dica da nutricionista, não ingerir líquido nas refeições e até 1h30 depois diminuem a azia, aqui funcionou.


É MENINO

Na 15º semana fomos fazer uma nova ecografia, mais de rotina e oportunidade para saber o sexo do bebê, porque não conseguimos ver na 12ª semana.
Papai e mamãe compartilharam do mesmo sentimento quando a médica confirmou que era menino: “Eu já sabia!”
Em breve falamos da escolha do nome, combinado?



BARRIGÃO
Sou muito baixinha e minha barriga despontou muito, principalmente neste mês. Me perguntaram até se era 2! Rs. Mas li e é normal considerando minha estatura (ou falta dela rs).

PREPARANDO A CHEGADA DO BABY
Com a disposição (ou parte dela) novamente pude preparar umas coisas:

- Organizei meu guarda-roupa deixando de fácil acesso somente as roupas que vão servir na gravidez para facilitar minha vida. Fui em um bazar e achei duas calças soltinhas, paguei R$ 0,50 cada (inacreditável Brasil)
- Estamos agilizando a construção da nossa nova casa para que ele tenha um quartinho #oremos
- Planejei todo o chá de bebê e agora vou executando tudo com calma. Vocês vão acompanhar aqui no blog! Já comecei inclusive alguns detalhezinhos manuais.

COMPRINHAS
- Não resisti às primeiras comprinhas, as duas quentinhas porque ele vai nascer no inverno:

Comprei este cardigan fofura na Renner e este conjunto “estiloso” no Aliexpress





22 novembro 2016

Séries para rir

A pessoa aqui gosta muito de série! Se você acompanha o blog um pouco já descobriu isso. E hoje o tema é “séries para rir”, já adianto desde já que nenhuma é besteirol, gosto de humor mais leve.

Friends


Parece que Friends acertou minha medida perfeita de fazer rir... sei lá, as vezes o negócio nem era tão engraçado e eu tinha que “dar pause” para me recuperar. Sempre gostei mais de “reações” do que a piada em si, e Friends arrasa nisso. Apesar de ser antiga acho bem atemporal, não senti nenhuma dificuldade em assistir em 2015.
A série dispensa apresentações, mas na dúvida: são 6 amigos e suas histórias do cotidiano.


How I Met Your Mother


Muitos dizem que a série é imitação de Friends porque também se trata de amigos, que neste caso são cinco, mas a base é o Ted Mosby contando para os filhos como conheceu a mãe deles. Várias histórias engraçadas entre eles, umas bem difíceis de acontecer mas vale as risadas.


Jane the Virgin


É um dos formatos de série mais diferentes que já vi, é baseada em uma novela latina, com personagens latinos, um narrador super presente e muito legal. A Jane é virgem e acaba engravidando em uma inseminação artificial por engano. A Jane é noiva, engravida de uma antiga apaixonite, mora com a mãe e avó e são todos personagens cativantes que vão crescendo conforme as histórias vão acontecendo.


Gillmore Girls

Não diria que é uma série de comédia, mas adoro o humor das Gillmore e já rendeu boas risadas sim.

A Lorelai foi mãe muito jovem, rompe com a família e cria a filha dela, a Rory, sozinha. Além do foco mãe e filha, elas vivem em uma cidadezinha com personagens que conquistam o coração.



Obs: todas tem temporadas no Netflix.

17 novembro 2016

Gravidez, quando contar

Tem gente que já conta para todos logo que descobre a gravidez, tem gente que segura para contar com três meses até para a família. Como tudo que eu já disse de gravidez por aqui, cada um é cada um.

Logo que eu descobri a gravidez corremos contar para nossos pais, irmãos e avós e amigos super próximos mas pedimos discrição dizendo que nós mesmo gostaríamos de compartilhar este momento com as demais pessoas quando achássemos que era a hora.

Na semana seguinte da descoberta eu tinha uma viagem a trabalho que ia ter um ritmo mais complexo então achei importante compartilhar com os envolvidos e mais uma vez pedi discrição com as demais pessoas da empresa.




Porque esperar para contar?
Gravidez é algo muito delicado no primeiro trimestre, é aquele período de adaptação em nosso corpo e período em que boa parte dos abortos acontecem. Nós tínhamos vários conhecidos que passaram por isso e não queríamos correr o risco de contar a todos e se acontecesse algo ter que “recontar” tudo.

No meio disso eu passei um período conturbado, com medo mesmo de que algo pudesse acontecer e tive que contar com oração do meu marido e meu apego a Deus. De qualquer forma foi um tempo muito bom de manter tudo entre as pessoas que mais amamos. Quando fiz a ecografia de três meses e vi que estava tudo lindo contamos a todos com a maior felicidade.



Resumo:
Enfim, esta foi minha justificativa para esperar, se para você não é justificativa, você quem manda! Em resumo, o tempo certo é você quem determina claro. Já estou aprendendo que quando se trata de gravidez e criação de filhos a quantidade de opiniões que recebemos (na maioria das vezes sem pedirmos) é muito grande, por isso é importante o autoconhecimento e buscar o que melhor para você e para sua família.

15 novembro 2016

Minha cirurgia de desvio de septo

Um dos meus planos pré-gravidez era ver se eu tinha algum problema no nariz porque não conseguia respirar por ele enquanto dormia... então em abril eu fui no otorrino e ele viu que eu tinha uma baita desvio de septo! Já agendei a cirurgia logo em seguida.


No dia
A cirurgia estava marcada pela manhã e não pude comer 12h antes. Mas dá para ver que eu estava animada, de verdade, sem ironia:




Na cirurgia
Recebi uma anestesia local e sedação, alguma vezes acordei durante mas apagava logo em seguida, nada que me incomodou porque não sentia nada. Fiquei em recuperação um pouco no centro cirúrgico e mais um pouco no quarto até o médico poder me liberar.
Ruim: Quando eu fiquei de pé vomitei o sangue da cirurgia, mas depois tudo ok, comi normal.



Recuperação
Meu nariz sangrou por dois dias então eu tive que manter o curativo. O primeiro dia depois da cirurgia eu fiquei de repouso, e vários dias com o nariz entupido mesmo limpando bonitinho. Uma semana depois da cirurgia eu fui fazer uma limpeza com o médico e gente, que dolorido! Mas sai respirando e valeu a pena rs.
O inchaço também durou vários dias e as vezes sentia um cheiro estranho, mas nada traumatizante.





Meses depois
Porque eu vivi tanto tempo sem respirar direito mesmo? Outro nível de vida, uma das melhores coisas que já fiz.
Se estiver insegura de fazer faça! Só achar um médico de confiança e ser feliz.

Se tiver mais dúvidas pode comentar.

10 novembro 2016

Youtubers que falam de maternidade

Já contei em um outro post sobre minhas youtubers prediletas e naturalmente depois que descobri a gravidez fiquei ainda mais atenta nas que falam sobre gravidez e maternidade, então trouxe algumas para indicar para vocês na #QuintadaMaternidade (acabei de inventar rs)


Flávia Calina

Power referência neste assunto, a Flávia é educadora infantil e mãe de dois (o Henrique ainda não fez um mês!). Ela transborda amor *--*, e tem vídeo de segunda a sexta. Vários vlogs do dia-dia e assuntos de maternidade.



Lu Ferreira



Mãe da Bia, já disse por aqui que acho que ela muito sincera e profissional. Já curtia os vídeos dela sobre maternidade antes mesmo de eu tentar começar engravidar e aprendi muita coisa.




Babi Sabbag



A Babi é daquelas que não liga de aparecer sem maquiagem e descabelada #GenteComoaGente e está compartilhando tudo sobre a chegada do Henrique. Empolgada para festas como eu =P



Lia


A Lia eu comecei a acompanhar mais depois que descobri a gravidez e com foco mais nos vídeos do Fernando mesmo, forma de aprendizado com a experiência alheia ;D




Semana que vem na #QuintadaMaternidade vamos falar sobre a hora de contar da gravidez.
LAYOUT E PROGRAMAÇÃO POR SHAIRA FOTO E DESIGN
imagem-logo